domingo, 28 de novembro de 2010

Poema

Eu
Eu sou a que no mundo anda perdida,
Eu sou a que na vida não tem norte,
Sou a irmã do Sonho, e desta sorte
Sou a crucificada… a dolorida…
Sombra de névoa ténue e esvaecida,
E que o destino amargo, triste e forte,
Impele brutalmente para a morte!
Alma de luto sempre incompreendida!…
Sou aquela que passa e ninguém vê…
Sou a que chamam triste sem o ser…
Sou a que chora sem saber porquê…
Sou talvez a visão que Alguém sonhou,
Alguém que veio ao mundo pra me ver
E que nunca na vida me encontrou!
(Florbela Espanca)

Eu sei que fugi completamente do assunto do blog, mas essa autora merece destaque. Amo todos os poemas dela. Falam muito de mim.
Related Posts with Thumbnails
© Coisinhas da Tammy - 2016. Todos os direitos reservados.
Criado por: AP Design.
Tecnologia do Blogger.
imagem-logo