domingo, 13 de dezembro de 2009

Desconstruindo Amélia

Fico indignada com algumas mulheres que vejo por ai. É deprimente ouvi-las dizer que hoje já não têm tempo de se arrumar, que os filhos impedem que tem muito trabalho pra fazer. Se maturidade é isso, passar a esquecer de si mesma, ter que pensar nos outros, quero continuar pra sempre com a essência da infância. Desse jeito não quero ser mulher, mãe ou profissional. Será que não é mesmo possível conciliar tudo?
Hoje ouvi pela primeira ver a música Desconstruindo Amélia do  novo CD da Pitty. A letra é algo como um desabafo e eu vi aí muitas mulheres que infelizmente se renderam a vidinha sem graça.

http://www.youtube.com/watch?v=uM6wBGF5nj8

DESCONSTRUINDO AMÉLIA - PITTY
Já é tarde, tudo está certo
Cada coisa posta em seu lugar
Filho dorme, ela arruma o uniforme
Tudo pronto pra quando despertar

O ensejo a fez tão prendada
Ela foi educada pra cuidar e servir
De costume esquecia-se dela
Sempre a última a sair

Disfarça e segue em frente
Todo dia, até cansar
E eis que de repente ela resolve então mudar
Vira a mesa,
Assume o jogo
Faz questão de se cuidar
Nem serva, nem objeto
já não quer ser o outro
hoje ela é um também

A despeito de tanto mestrado
Ganha menos que o namorado
E não entende o porquê
Tem talento de equilibrista
ela é muitas, se você quer saber

Hoje aos trinta é melhor que aos dezoito
Nem Balzac poderia prever
Depois do lar, do trabalho e dos filhos
Ainda vai pra night ferver

Disfarça e segue em frente
Todo dia, até cansar
E eis que de repente ela resolve então mudar
Vira a mesa,
Assume o jogo
Faz questão de se cuidar
Nem serva, nem objeto
já não quer ser o outro
hoje ela é um também
Related Posts with Thumbnails
© Coisinhas da Tammy - 2016. Todos os direitos reservados.
Criado por: AP Design.
Tecnologia do Blogger.
imagem-logo